A PSP nos Açores acabou com uma festa com cerca de 30 pessoas que estava a decorrer numa coletividade na ilha do Pico, por desrespeitar as normas impostas devido à pandemia de covid-19, anunciou hoje aquela força policial.

Em comunicado, a PSP indicou que a esquadra de Madalena do Pico detetou “a realização de uma festa de aniversário a decorrer nas instalações de uma coletividade, com a presença de cerca de 30 pessoas” e “cessou a mesma”.

Na sequência dessa ação, a polícia identificou um homem, de 22 anos, “como responsável pela sua realização”.

Os Açores contam atualmente com 118 casos ativos de infeção pelo novo coronavírus, que provoca a doença covid-19, sendo 98 em São Miguel, 15 na Terceira, dois no Faial e três em São Jorge.

Desde o início da pandemia, foram detetados na região 3.754 casos de infeção, tendo ocorrido 29 óbitos e 3.504 recuperações.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.355.410 mortos no mundo, resultantes de mais de 107,3 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 14.718 pessoas dos 774.889 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Lusa/Rádio Faial | Foto: Direitos Reservados