A RTP Açores irá estrear na próxima semana um espaço de telescola intitulado “Aprender em Casa” como “complemento ao ensino à distância” implementado devido ao fecho das escolas face à pandemia de covid-19.

“Um projeto que nasce de uma parceria entre a Secretaria Regional da Educação dos Açores e a RTP Açores e que tem como objetivo a emissão de conteúdos curriculares que servem de complemento ao ensino à distância”, informa a televisão pública em comunicado de imprensa.

Com as escolas encerradas desde 16 de março devido à covid-19, o ensino passou a ser realizado à distância através de aulas virtuais.

Para o terceiro período escolar, o Governo nacional anunciou que as aulas virtuais iriam ser complementadas por conteúdos transmitidos pela RTP Memória para alunos até ao 9.º ano.

Nos Açores, os conteúdos do pré-escolar e do primeiro ciclo do ensino básico (do primeiro ao quarto ano) serão diferentes dos do continente nas áreas da Matemática e Português e serão transmitidos pela RTP Açores.

“‘Aprender em Casa’ destina-se a crianças do pré-escolar e a alunos do primeiro ciclo do ensino básico. As aulas são organizadas em blocos de 30 minutos, sendo que cada um destes espaços se destina a um grupo de alunos em específico”, avança a RTP Açores.

O comunicado da televisão pública açoriana refere também que o canal irá passar a transmitir missas todos os domingos em direto da Sé Catedral de Angra do Heroísmo, na ilha Terceira, e do Santuário do Senhor Santo Cristo, em Ponta Delgada, ilha de São Miguel.

Desde abril, as missas e outros atos de culto estão suspensos devido à disseminação do novo coronavírus.

A RTP açoriana destaca também a estreia esta quinta-feira da série “Mal-amanhados – os novos Corsários das Ilhas”, com o humorista terceirense Luís Filipe Borges e o escritor micaelense Nuno Costa Santos.

“Os novos Corsários das Ilhas é uma série de câmara ao ombro, drone no ar e aberto ao improviso, à entrevista, ao espanto e à surpresa; um trabalho de amor por filhos da terra. Cada programa é uma viagem por uma ilha, um retrato orgulhoso e bem-disposto dos Açores de hoje”, assinala aquele canal.

Já foram detetados na região um total de 102 casos de covid-19, verificando-se 10 recuperados, cinco óbitos e 87 casos positivos ativos para infeção pelo novo coronavírus SARS-CoV-2 que causa a doença covid-19, sendo 56 em São Miguel, seis na ilha Terceira, quatro na Graciosa, seis em São Jorge, 10 no Pico e cinco no Faial.

Portugal regista 599 mortos associados à covid-19 em 18.091 casos confirmados de infeção, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS) sobre a pandemia.

A nível global, a pandemia de covid-19 já provocou quase 127 mil mortos e infetou mais de dois milhões de pessoas em 193 países e territórios. Mais de 428 mil doentes foram considerados curados.

Lusa/Rádio Faial | Foto: Direitos Reservados