A 45.ª edição da Semana do Mar vai trazer algumas novidades nomeadamente no que à segurança e ao ambiente diz respeito, com a instalação de uma tenda coberta no recinto do palco principal que funcionará ainda como tenda de after-party.
Esta medida, conforme anunciou José Leonardo Silva, “vai evitar a fragmentação da festa e propiciar um convívio mais sadio entre os festivaleiros uma vez que permitirá uma auto regulação mais facilitadora da segurança da festa uma vez que o after-party será condensado naquele espaço, durante cinco dias e apenas até às 4 da manhã, ao invés de ser 7 dias até às 7 da manhã”.
Esta novidade permitirá ainda que os concertos do palco principal se realizem mesmo em condições meteorológicas adversas, bem como diminuir as horas de ruído e assim preservar de forma mais eficiente o ambiente.
“Queremos que a Semana do Mar mar seja cada vez mais uma festa da família, amiga do ambiente e com segurança”, reforçou José Leonardo Silva que considera “estarem criadas todas as condições para que possamos ter uma grande Semana do Mar”.
É ainda, no entender do Edil, uma forma de potenciar aquela que é a verdadeira festa da família e, claro está, dinamizar ainda mais os espaços concessionados naquela zona da festa.
Perante os representantes de diversos organismos oficiais, o autarca destacou a importância do festival náutico e das suas duas dezenas de modalidades, bem como da Exponar e ainda da Feira Gastronómica e da Festa do Livro.
Para José Leonardo Silva, “a Semana do Mar não é só um festival de verão, é uma invasão de alegria e dinâmica para o nosso concelho. É um investimento na divulgação da nossa ilha, cidade, porto e Baía.
Durante a edição deste ano vai ainda ser promovido o Dia do Emigrante, um momento de agregação de todos aqueles que vivem com o Faial no coração.
Igualmente nesta semana vai ser promovido o Dia do Triângulo, um momento de exaltação a estas três ilhas.

BANDAS PALCO PRINCIPAL

Depois de já ter sido anunciado o nome dos portugueses “Expensive Soul”, como uma das bandas que fazem parte do cartaz musical da Semana do Mar, integrado na tournée que assinala os 20 anos de carreira, a Câmara Municipal da Horta deu a conhecer os restantes artistas que vão pisar o palco da 45.ª edição da Semana do Mar.
Assim sendo, de 31 de julho a 09 de agosto, atuam no Faial: Mickael Carreira, Katia Guerreiro, Elas, Piruka, Expensive Soul e Melim. Ao palco principal sobe ainda a banda Orquestral Blue Band e os Bandarra.
Como já é habitual, durante a Semana do Mar 2020 realizar-se-á o Festival Internacional de folclore que este ano conta com 15 grupos, incluindo do Chile e da Colômbia.

ELEIÇÃO DA RAINHA DA SEMANA DO MAR

Abertas estão já as inscrições para a eleição da Rainha da Semana do Mar. No âmbito deste concurso, serão eleitas a Rainha da Semana do Mar, 1ª Dama de Honor, 2ª Dama de Honor, Miss Simpatia e Miss Fotogenia. Pretende-se que a Rainha eleita tenha a responsabilidade de divulgar e embelezar a festa.

MARCHA SEMANA MAR
A Orquestra de Música Ligeira da Câmara Municipal da Horta, a comemorar 30 anos de existência, vai ser a protagonista da Marcha da Semana do Mar deste ano.

De acordo com José Leonardo Silva, Presidente da Câmara Municipal da Horta, o convite dirigido pela autarquia à sua orquestra “é o justo reconhecimento pelo trabalho que tem desenvolvido e que nestes trinta anos, também tem passado pela história da Semana do Mar”.

“Agora, para além da orquestra ser um dos cabeças de cartaz do palco principal, como é hábito, fica também imortalizada na história das marchas do nosso maior evento cultural e desportivo da ilha do Faial”, acrescentou o autarca.

A marcha terá música do maestro e diretor musical, o professor José Maria da Silva, letra de Victor Rui Dores e a interpretação a cargo da própria orquestra.

CMH/Rádio Faial | Foto: CMH